× Charadas de Matemática Problemas de Lógica Desafios Matemáticos

O Falsificador distraido



Depois de ter chegado à conclusão que não valia a pena o trabalho de falsificar moedas, Josefino Distraído resolve dedicar-se à falsificação de pérolas. Foi então buscar um colar que tinha herdado de sua avó para o ajudar no seu trabalho. Fez vários estudos de forma, côr e peso. Depois de longas noites de trabalho, e muitas pérolas feitas, resolveu colocá-las em 10 pequenas bolsinhas para não se perderem. Cada bolsinha continha 50 pérolas. Como também tinha desmanchado o colar, colocou as pérolas verdadeiras, também sendo 50, num outro saquinho, mas desta vez separou-o dos restantes. Quando acordou de manhã, reparou que os sacos estavam todos misturados, pois o gato tinha andado a brincar com eles. A característica que mais facilmente permitia distinguir as verdadeiras das falsas era o peso. Sabia que cada pérola falsa pesava 1g e que uma verdadeira pesava mais 10 mg. Então, foi a correr à farmácia, pois sabia que usavam uma balança de precisão para medir o peso dos medicamentos. No caminho pensava para consigo: "Eu preciso de fazer no máximo 10 pesagens, e eles apenas usam aquela balança o menos possível para ela não perder a precisão. De certeza que não me vão deixar usá-la quando lhes disser quantas pesagens terei que fazer" Quando estava a chegar à farmácia, fez-se luz na sua mente: "Afinal, só preciso de usar a balança uma única vez!". Em que é que ele terá pensado?

        






© 2000 by literato  phrases  frases  plantas  curiosidades